Lia Drumond

É só um blog…

Evitar a fadiga

with 2 comments

Eu evito sempre a fadiga, prefiro não me cansar, usar a cabeça em vez de músculos é uma estratégia que aprendi com vários episódios de desenhos animados e me ajuda bastante a enfrentar essa realidade cansativa demaaaais. Mas há quem pense que cansativo é usar a cabeça… Pensar enlouquece, mas é melhor ser louco nessa realidade absurda.

Gente, o novo nobre deputado ‘Quititica’ conseguiu provar que não é analfabeto (analfa funcional é coisa de elite, ele sabe assassinar o próprio nome e isso basta) e achou bom que o salário que receberá aumentará – ainda que às custas do bando de palhaço que o elegeu -, a lei da Ficha Limpa não pegou nem o Maluf, Wikileaks está aí pra comprovar a pressão dos States sobre o Brasil para a aprovação de uma lei anti-terrorismo que inclua o MST (só comprovar, pois era algo já sabido ou suposto por quem se informa fora do PIG).  Enquanto a web tem chuva de emails revoltados, campanhas e petições virtuais pela ordem e progresso da sociedade em geral, blogueiros engajados (quem diria!?), redes sociais pipocando tópicos sobre a sujeirada de quem deveria, no mínimo, ser digno do que representa – nada aparece na TV, nem nos jornais e revistas semanais de grande circulação, como se tudo estivesse normal e nada estivesse acontecendo.

O povo já tem celular, vai à lan house quando não tem computador em casa, usa email… Até mi madre, que já passou dos cinqüenta anos faz um tempinho, se mantém informada mais pela web do que pela Ana Maria Brega e seus colegas do jornalismo da Globo (venena!). Aliás, mi madre está muito orgulhosa dos blogueiros de sua época, que abraçaram a liberdade da web para dar voz ao grito da  geração que enfrentou a ditadura por um país melhor, como o Sr. Cloaquinha. Ela fica feliz em saber que seu idealismo me contagiou e, provavelmente, será herdado por seus netos. Ela também fica aflita por ver que, em mais de meio século, a sociedade brasileira evoluiu muito pouco – o ditado ditador de que ‘política, futebol e religião não se discute’ ainda a faz engolir seco a indiferença dos que preferem evitar a fadiga de questionar hoje para não ser manipulado amanhã. É mais fácil não saber do que tornar-se responsável por omissão.

Silvio Santos caiu, uma mulher é presidente do Brasil e um negro está na casa do tio Sam, a web acabou com a privacidade dos mortais e dos supostamente intocáveis – brisas de mudança – e quem não estiver atualizado com a expectativa do ‘cidadão’ que não quer mais ser tratado apenas como consumidor ficará obsoleto, na bancarrota. Fica a dica para os ‘veículos’ de comunicação que ainda imperam entre os que, ainda, não têm opções… Eu amo a tecnologia, ela foi e é a maior responsável pela evolução social.

Música pra evitar a fadiga de ler época (chegou grátis aqui em casa, não deve valer mais nada…) The man who sold the world – David Bowie

Written by Lia Drumond

dezembro 21, 2010 às 10:41

Publicado em Brisas, Uncategorized

Tagged with ,

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. É, a mudança ainda é lenta, mas a bancarrota é rápida!

    sahveiga

    dezembro 21, 2010 at 13:25

  2. Ainda assim, acho pouco o que acontece no país, eu mesmo tentei motivar a voz do povo frente estes absurdos que vemos aí. Sim, há pessoas engajadas, mas veja como é diferente as recentes manifestações na Itália e na França… não sei… eu mesmo me desmotivo vendo essas coisas, fui na manifestação em Sampa contra o aumento dos salários dos cargos políticos e sinto falta do compromisso social…

    Ahas

    dezembro 23, 2010 at 14:54


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: